6
abril
2021
DESPORTO A DESCONFINAR MAS SEM PREVISÃO DO REGRESSO DO PÚBLICO AOS ESTÁDIOS

O Governo autorizou a prática de modalidades desportivas consideradas de baixo risco, e a atividade física ao ar livre ou em ginásios e academias voltou a ser autorizada, mas o regresso dos adeptos não tem qualquer previsão de data.

Voltou esta semana a ser possível a prática amadora de modalidades listadas pela Direção-Geral da Saúde (DGS) como “atividade física e desportiva de baixo risco”, por permitirem permitem treino ou competição com “distanciamento físico permanente de pelo menos três metros entre praticantes”. casos do atletismo, automobilismo, canoagem, ciclismo, equitação, motociclismo, motonáutica, remo, surf, ténis, ténis de mesa e tiro, orientação, golfe ou padel, entre outras.

A segunda fase do plano de desconfinamento do Governo para a prática desportiva irá avançar a 19 de abril, com o regresso das modalidades classificadas de médio risco, num lote que inclui as principais modalidades coletivas, casos do andebol, basquetebol, futebol, futsal, hóquei em patins e voleibol, as únicas que mantiveram competição nas divisões profissionais. Nos escalões de formação, o regresso das modalidades de médio e alto risco dependerá de testes obrigatórios à covid-19 até 72 horas antes do início das atividades.

Quanto ao regresso de público aos recintos, o Governo considera que, para já, seria “um risco acrescido de transmissão da doença” juntar pessoas em eventos desportivos.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 F

Copiar link da notícia